Notas publicadas em 22/01/2018 - segunda-feira

Da Hora!

ENEAE - 2018
ENCONTRO NACIONAL DE ESCRITÓRIOS
DE ARQUITETURA E ENGENHARIA



2018 pode ser osso! ou filé... tudo depende de como você estiver preparado.
A OitoNoveTrês Produções criou um evento para reunir diretores e gerentes de escritórios de Arquitetura e de Engenharia de todo o país, para discutir estratégias de gestão, tecnologias de produção e conjuntura econômica do país.





Garanta sua inscrição. Venha trocar ideias e experiências com dirigentes de escritórios iguais ao seu em outros lugares do Brasil. Comece 2018 com o pé direito.

Presenças confirmadas de alguns dos melhores palestrantes do país:



Palestra principal - RICARDO BOTELHO
Sucesso: o segredo está na nova oferta de serviços
(por que sua oferta está parada no tempo e como mudar isso para atrair novos clientes e faturar mais)




Palestra de encerramento: LUIZ SALATIEL
Reforma Trabalhista Aplicada na Engenharia
(uma oportunidade para conhecimento da Reforma Trabalhista e entendimento das vantagens e oportunidade na Engenharia)




Palestra de Abertura - ÊNIO PADILHA
Crises econômicas e o mercado de Engenharia e Arquitetura
(o que você precisa saber sobre crises econômicas. Como sair dessa e como não ser surpreendido pela próxima)




Grupos de Discussão
Cenários (crise econômica e mercado de oportunidades)
Orientador: ALBERTO COSTA. As discussões terão como base textos fornecidos na noite anterior




Grupos de Discussão
Tecnologias (tecnologias de produtividade e tecnologias de Comunicação)
Orientador: CRISTIANO CHAUSSARD. As discussões terão como base textos fornecidos na noite anterior






CLIQUE AQUI PARA VER A PROGRAMAÇÃO e FAZER A SUA PRÉ-INSCRIÇÃO



Deixe aqui seu comentário

ENTRE ASPAS (www.eniopadilha.com.br)

"O politicamente correto está gerando uma prole mimada, ressentida, frágil e psicologicamente perturbada.
É uma doença gravíssima que altera e confunde a existência.
Pior ainda, o politicamente correto destrói os nervos, faz com que as pessoas que ainda conservam qualquer sanidade adoeçam."

RODRIGO CONSTANTINO

Economista e autor de livros, no seu blog, discutindo o recente "Um guia para uma comunicação eficaz:
linguagem inclusiva no ambiente de trabalho"
publicado em Londres, onde se orienta, por exemplo, que as mulheres grávidas não devem ser chamadas de "mãe" por que isso seria ofensivo aos trangêneros.

ARQUITETURA

VENCEDORES DO CONCURSO PARA MODERNIZAÇÃO
DO MUSEU DO IPIRNAGA

(Publicado em 22/01/2018)



O escritório Hereñu + Ferroni Arquitetos Ltda foi o vencedor do Concurso Nacional de Arquitetura para o estudo preliminar e futura contratação do projeto de restauração e modernização do Edifício-Monumento do Museu Paulista da Universidade de São Paulo (USP), conhecido como Museu do Ipiranga, o mais antigo de São Paulo. A competição foi promovida pela Fundação de Apoio à USP (FUSP), em parceria com o Departamento de São Paulo do Instituto dos Arquitetos do Brasil (IAB/SP) e com o Conselho de Arquitetura e Urbanismo de São Paulo (CAU/SP).



Para obter mais informações visite au.pini

Comentários

ENGENHARIA

CHEGA DE RACIOCÍNIO BINÁRIO

(Publicado em 22/01/2018)



Nas últimas semanas recebi pelo menos três contatos de colegas pedindo (diretamente ou deixando nas entrelinhas) que eu facilitasse o contato deles com o novo presidente do Confea, Joel Kruger.
Imagine a surpresa deles com a minha resposta: "Eu não conheço o Joel Kruger. Estive com ele uma ou duas vezes. Nem somos amigos."





"Como assim? Vocês não se dão bem? Você não é da turma dele? Mas você tem escrito coisas a favor dele no seu blog. Não tem feito críticas a ele... Diz que acredita nele..."

"Nos damos bem, sim. Apenas não faço parte do seu círculo de amigos próximos. E não, amigo. Eu não estou escrevendo a favor dele. O que eu escrevi é que tenho esperança de que ele faça um bom mandato. Confio nas boas intenções dele. E acredito que ele esteja muito bem cercado de gente honesta e competente. Isso eu posso afirmar, pois conheço bem alguns dos amigos dele."

Durante a campanha não apoiei nenhum dos candidatos. Apoiei e me manifestei sempre pelo VOTO. Queria que mais gente participasse do processo.

Joel Kruger, evidentemente, tem o meu voto de confiança. E terá o meu apoio, sempre. Eu tenho profundo respeito pela posição que ele ocupa. E lamento que, nos últimos seis anos essa posição não foi engrandecida pelos seus ocupantes. Espero e confio que "agora a coisa vai"

Eu sempre tive (e me orgulho disso) uma relação muito positiva com o Confea e com os Creas. Já fiz trabalhos para o Confea e para os Creas. Já tive projetos meus aprovados por eles, e foi muito bom. E nunca (NUNCA!) nenhum presidente de Crea ou presidente do Confea pediu pra eu escrever ou falar sobre isso ou aquilo. E nunca me pediram pra deixar de falar sobre qualquer coisa. Sempre respeitaram minha independência, que é um patrimônio pessoal valioso para o meu trabalho.

O que aconteceu, em alguns momentos, foram algumas retaliações, que geralmente eram iniciativas de Conselheiros, não dos presidentes. Passei longos períodos na geladeira, sem nenhum apoio ao meu trabalho. Paciência.

Isso me ajudou a buscar e desenvolver outras frentes de negócios e hoje, felizmente, não preciso do sistema para pagar minhas contas.

É claro que eu acho que o nosso Sistema Profissional precisa deixar de ser rancoroso e vingativo. Precisa aceitar melhor as críticas honestas. E precisa aprender a valorizar os caras que, como eu, conseguem ver o Sistema com um olhar "de fora". Nós não temos compromisso eleitoral nem financeiro com a instituição. Temos um trabalho que interessa aos profissionais do sistema. Os conselheiros deveriam ver isso em primeiro lugar.

E, quando eu digo "nós" me refiro aos professores, palestrantes e autores e pensadores que não têm uma ligação direta com o sistema profissional (Manuel Henrique Campos Botelho, Luis Antônio Salatiel, Sérgio dos Santos, José Roberto Bernasconi, Weber Figueiredo, entre tantos) que têm, em comum um trabalho consistente e um profundo amor pela engenharia. O Confea precisa ter um olhar pra essa gente.

Chega de dividir o Sistema Profissional em A e B, Preto e Branco, FNE e Fisenge, Grupo do Fulano e Grupo do Sicrano. A Engenharia, a Agronomia e as demais profissões do sistema são muito mais do que isso.



ÊNIO PADILHA
www.eniopadilha.com.br | professor@eniopadilha.com.br



---Artigo2018

Deixe aqui seu comentário

ÚLTIMAS INFORMAÇÕES

ACOMPANHE NOSSAS REDES SOCIAIS