Domingo, 21/04/2019 – Veja todos os posts publicados nesta semana.

Da Hora!

UMA PARCERIA PARA EU ME ORGULHAR A VIDA INTEIRA



(Publicado em 19/04/2019)



Me formei engenheiro há 33 anos (UFSC, 1986). Desde os primeiros meses de exercício profissional me tornei leitor e fã do trabalho de um engenheiro paulista de nome comprido: Manoel Henrique Campos Botelho.
Ele era famoso por ter escrito um livro de nome atrevido: "CONCRETO ARMADO EU TE AMO", mas eu li primeiro um outro livro dele, sensacional: "MANUAL DE PRIMEIROS SOCORROS DO ENGENHEIRO E DO ARQUITETO".



Li muitos dos seus livros, participei de um dos seus cursos (em Jaraguá do Sul, SC). Lia todos os artigos que ele publicava em jornais ou na internet, ou seja: eu sempre fui um fã incondicional do trabalho dele.

Em 2007, quando escrevi o livro NEGOCIAR E VENDER SERVIÇOS DE ENGENHARIA E ARQUITETURA, pedi a ele que escrevesse o prefácio. Expliquei que o convite era uma forma de homenagear a ele por ter feito um trabalho que, de certa forma, viabilizou o meu. Afinal, ele enfrentou o desafio de falar de marketing para engenheiros e arquitetos quando este tema era um tabu e todo mundo acreditava que "marketing é coisa pra quem não trabalha direito" e diziam coisas do tipo "o melhor marketing que existe é o trabalho bem feito". Naquele tempo os profissionais achavam que o marketing era um recurso utilizado por profissionais e empresas sem qualidade...

Se Botelho, e também o arquiteto paulista Walter Maffei, não tivessem sustentado seus discursos e suas propostas por tanto tempo, certamente o meu trabalho, quando apresentado em 1998 (no livro MARKETING PARA ENGENHARIA E ARQUITETURA) não teria terreno fértil para florescer. E eu não sei se teria a força que eles tiveram para ficar dando murro em ponta de faca.



Pois bem: há duas semanas recebi um e-mail desse ícone da Engenharia Brasileira, me convidando para escrever, junto com ele, um livro sobre... nem terminei de ler o e-mail e já tinha decidido que sim, CLARO QUE SIM. Como dizer NÃO para um convite do Manoel Henrique Campos Botelho?

SIM, SIM, SIM. Respondi o e-mail imediatamente e iniciamos as tratativas. Já comprei passagens para ir a São Paulo fazer uma reunião com ele onde decidiremos os detalhes do livro (na verdade, ele vai decidir e eu vou obedecer, claro). O livro terá como tema central as instalações elétricas em pequenos parques de diversão. E terá, certamente o jeito criativo e atrevido do Manoel Botelho como marca registrada.

Aguardem notícias. Certamente faremos um livro muito bacana.

Será, para mim, um grande prazer fazer parte dessa empreitada. Uma parceria da qual irei me orgulhar a vida toda.






A imagem usada como fundo no cabeçalho deste post foi retirada da capa do livro CONCRETO ARMADO EU TE AMO, o grande sucesso do Manoel Botelho



DIVULGAÇÃO



PADILHA, Ênio. 2019

Deixe aqui seu comentário

Da Hora!

ADMINISTRAR MAIS

Alguns dos muitos cursos desenvolvidos por mim nos últimos 21 anos foram agora reunidos em uma série de cursos com carga horária de 8 horas cada um.

A série recebeu o nome de ADMINISTRAR MAIS e percorre as 4 grandes áreas da Administração (Marketing, Produção, Recursos Humanos e Finanças) e ainda os campos do Empreendedorismo e Estratégia.

Os cursos, disponíveis individualmente para realização em entidades de classe ou empresas de eventos de qualquer cidade no Brasil, terão pelo menos uma turma por ano realizada na cidade de Balneário Camboriú, em Santa Catarina, na sede da OitoNoveTrês.

A primeira turma foi realizada no dia 11 de abril (COMO NEGOCIAR E VENDER SERVIÇOS DE ENGENHARIA E ARQUITETURA) e a segunda já está programada para o dia 9 de maio (PRECIFICAÇÃO DE SERVIÇOS DE ARQUITETURA E ENGENHARIA).

Confira abaixo os dez cursos da série ADMINISTRAR MAIS



1 



2 



3 



4 



5 



6 



7 



8 



9 



10 








DIVULGAÇÃO



COMO VOCÊ DEFINE O PREÇO DO SEU TRABALHO?
Se você ainda define seu preço por metro quadrado descubra que isso é um grande erro e que pode estar fazendo você perder negócios e dinheiro.

Participe do nosso curso de PRECIFICAÇÃO DE SERVIÇOS DE ENGENHARIA E ARQUITETURA (da série ADMINISTRAR MAIS).

ATENÇÃO: são apenas 8 vagas!
. . .
Curso: PRECIFICAÇÃO DE SERVIÇOS DE ENGENHARIA E ARQUITETURA
Data: 09/05/2019 - Quarta-feira
Hora: 08h30 - 17h30 Com intervalos para café
Local: Sede da OitoNoveTrês Produções
Rua Manoel Athanazio Correia, 89 -- Barra -- Balneário Camboriú-SC
. . .
Inscrições: www.oitonovetres.com.br/precificar





Deixe aqui seu comentário

ENTRE ASPAS (www.eniopadilha.com.br)

"Numa sociedade com base no conhecimento, por definição
é necessário que você seja estudante a vida toda."

TOM PETERS

Escritor no livro Gestão de Libertação: desorganização necessária para os anos noventa, página 757

ENTRE ASPAS (www.eniopadilha.com.br)

"O meu temor é que as pessoas tomem o tema marketing pessoal
e imaginem que é fazer um belo currículo, estar nos principais coquetéis e frequentar aulas de golfe. O melhor marketing
pessoal é aquele em que você tem a oportunidade
de demonstrar o seu trabalho. "

ANTONINHO MARMO TREVISAN

Auditor e consultor de empresas, citado no livro Carreira e Marketing Pessoal de Alfredo Passos, Eduardo Rienzo Najjar, página 87

ENTRE ASPAS (www.eniopadilha.com.br)

"Gosto de repassar conhecimento. Quanto mais pessoas souberem o que sei, melhor terei sido e a vida não terá sido em vão."

RAUL BELÉM MACHADO

(1942-2012)
Cenógrafo e arquiteto em entrevista para Secretaria
de Estado de Cultura de Minas Gerais (27/06/2008)

ENTRE ASPAS (www.eniopadilha.com.br)

"O principal objetivo da educação é criar pessoas capazes
de fazer coisas novas e não simplesmente repetir
o que as outras gerações fizeram."

JEAN PIAGET

(1896-1980)
Filósofo e Professor suíço citado no livro Correntes pedagógicas: aproximações com a teologia de Danilo Romeu Streck, página 96

Anotações

ESTUDO APONTA 30 PROFISSÕES QUE ESTÃO SURGINDO
COM A INDÚSTRIA 4.0

(Publicado em 15/01/2019)



Não há dúvida de que a corrida tecnológica vem impactando fortemente as profissões em diversos países do mundo, criando, inclusive, novas atividades para atender a uma demanda crescente do mercado que busca se atualizar frente aos concorrentes. No Brasil, instituições como o Serviço Nacional de Aprendizagem Industrial (Senai), responsável pela formação profissional, confirmam a tendência dessa revolução.

As novas profissões foram identificadas em oito áreas que o estudo realizado pelo Senai considera com aquelas que serão mais impactadas pelas novas tecnologias relacionadas à indústria 4.0: setor automotivo; alimentos e bebidas; construção civil; têxtil e vestuário; tecnologias da informação e comunicação; máquinas e ferramentas; química e petroquímica; e petróleo e gás.



Para obter mais informações visite revistapegn

Comentários

TURISTA ACIDENTAL

PIRASSUNUNGA-SP

O Turista Acidental (Ênio Padilha) esteve em Pirassununga-SP, para a palestra COMO APRESENTAR CORRETAMENTE PROJETOS ELÉTRICOS com organização e promoção da AREA-Pirassununga Associação Regional de Engenheiros e Agrônomos.





PIRASSUNUNGA


Pirassununga é um município brasileiro do estado de São Paulo, localizado na Região Centro-Leste do estado com 75.877 habitantes. As terras onde hoje se situa o município eram habitadas por índios de língua tupi que denominavam o atual distrito de Cachoeira de Emas como Pirasununga, que significa "peixes barulhentos" ou "barulho dos peixes", através da junção dos termos pirá ("peixe") e sunung ("fazer barulho"). O nome é uma referência ao fenômeno da piracema: todos os anos, em dezembro, os peixes (principalmente curimbatás) sobem o Rio Mojiguaçu para a desova e, no esforço para nadar contra a correnteza, emitem sons semelhantes ao de roncos.






O EVENTO E OS PARTICIPANTES


Promotor: AREA-Pirassununga
Palestra: Como Apresentar Corretamente Projetos Elétricos
Local e data: Sede da Area-Pirassununga - 16/04 - 19h00





Veja as fotos do Turista Acidental:





O título desta seção é uma referência ao livro "O Turista Acidental" da escritora norteamericana Anne Tyler.


Veja mais fotos desta viagem

Concursos de Arquitetura

CONCURSO - UM LUGAR ESPECIAL PARA ENGENHEIROS E ARQUITETOS EM SOROCABA

(Publicado em 17/04/2019)



A primeira das etapas do concurso é o Estudo Preliminar. Ela garante aos candidatos, dentro determinações legais e programáticas, uma grande liberdade de proposta. É hora de colocar toda a capacidade criadora e expertise a serviço de um projeto que encante e ao mesmo tempo seja viável em seus vários aspectos.

Também é nesta etapa que os candidatos deverão descrever, em obediência às Bases do Concurso, as informações gerais e determinantes da implantação da obra, do sistema construtivo, das instalações prediais e especiais, tudo de maneira a demonstrar a viabilidade técnica e financeira do empreendimento.



Para obter mais informações visite concursonovasede

Comentários

ARQUITETURA

LAMENTÁVEL

(Publicado em 15/04/2019)



Um grande incêndio atingiu a catedral de Notre-Dame, em Paris, nesta segunda-feira 15/04/2019, um importante símbolo da cidade.

O fogo foi relatado primeiro por usuários em redes sociais. Não está claro ainda o que o causou, mas pode estar relacionado a uma obra que vinha sendo feita no telhado. A emissora France 2 disse que a polícia está tratando o caso como um acidente.



Para obter mais informações visite g1.globo

Comentários

ENGENHARIA

CREA-SC PUBLICA EDITAL DE CHAMAMENTO PÚBLICO 2019

(Publicado em 18/04/2019)



O CREA-SC torna público o edital do Chamamento Público visando à seleção de propostas para a celebração de parcerias e apoio financeiro, através da formalização de Termo de Fomento. O documento é destinado a consecução de finalidade de interesse público e recíproco que envolva a transferência de recursos financeiros em projetos de interesse do Sistema Confea/Crea pelas entidades.



Este ano, foram disponibilizados R$ 300 mil, divididos em cotas de R$ 30 mil, R$ 20 mil e R$ 10 mil. As inscrições vão até o dia 16 de maio.



Para obter mais informações visite portal.crea-sc

Comentários

ENGENHARIA

ASTRONAUTA PODE BATER RECORDE DE PERMANÊNCIA
DE MULHER NO ESPAÇO

(Publicado em 18/04/2019)



A astronauta Christina Koch pode bater o recorde de permanência de uma mulher em missão espacial, anunciou a Nasa nesta quarta-feira (17). Segundo a agência espacial, a permanência de Koch na Estação Espacial Internacional (EEI) foi estendida até fevereiro de 2020, quando ela completará 328 dias no espaço.

O recorde anterior de uma mulher no espaço foi de 288 dias, completados pela astronauta Peggy Whitson em 2017. A missão de Koch será apenas um pouco mais curta que o voo espacial mais longo de um astronauta da Nasa (340 dias), estabelecido pelo ex-astronauta Scott Kelly em 2016.



Para obter mais informações visite g1.globo

Comentários

ENGENHARIA

MAIOR AVIÃO DO MUNDO

(Publicado em 15/04/2019)



Maior avião do mundo decola na Califórnia; envergadura é maior que campo de futebol.

Máquina mede 117 metros de uma asa à outra e sobrevoou o deserto de Mojave, na Califórnia (EUA), por duas horas e meia. Empresa pretende usá-lo como plataforma para lançamento de satélites



Para obter mais informações visite g1.globo

Comentários

GESTÃO DE CARREIRA

EXPERIÊNCIA X CRIATIVIDADE

(Publicado em 09/05/2006)



Se a única coisa importante que você tem para sustentar o seu Curriculum Vitae são muitos anos de experiência profissional... comece a se preocupar.
Em 1986, quando eu me formei engenheiro, o meu grande desafio, a maior dificuldade que eu tinha para enfrentar o mercado, era justamente a falta de experiência profissional. Naquele tempo não ter experiência era quase como não ter um braço.

Oito anos depois, em 1994, em uma palestra para quase duzentos engenheiros (no Congresso Catarinense de Engenharia e Arquitetura, do qual fui coordenador) Décio da Silva, diretor presidente da WEG, foi categórico: "Nos dias de hoje", disse ele, "toda experiência que importa é aquela adquirida nos últimos cinco anos. Qualquer coisa além desse tempo tem importância zero. Porque o que importa hoje é a capacidade que o profissional tem de desaprender. De substituir conhecimentos antigos e ultrapassados por conhecimentos novos e atualizados"

A constatação de Décio da Silva era, sem dúvida, corretíssima. Mas o tempo, a tecnologia e a conseqüente globalização (não apenas da economia, mas da cultura, das artes, de tudo, enfim) trataram de reduzir esses "cinco anos" para quase nada. No mundo de hoje todo conhecimento baseado apenas na experiência conquistada pela repetição da tarefa perdeu valor e perdeu espaço para a inteligência e para a criatividade.

Tentar se manter no emprego ou no mercado apenas repetindo com perfeição receitas e fórmulas que sempre deram certo pode ser (e quase sempre é) o caminho mais curto para o fracasso.

A criatividade, que é a capacidade que uma pessoa tem de abordar um problema ou parte dele de maneira diferente da usual (e, portanto, sem se importar com as experiências anteriores), e a inteligência, que é justamente a capacidade que uma pessoa tem de resolver problemas combinando conhecimentos (sem fazer uso da experiência) são hoje as mais poderosas armas que alguém pode ter na luta pela sobrevivência no emprego, no mercado e na vida.

É importante prestar atenção para os efeitos e consequências dessa transformação: o eixo do poder no mundo está mudando de posição. O lugar que, nas empresas, era ocupado pelo funcionário “cão fiel” e “burro de carga” está sendo conquistado pelo funcionário bem humorado, irreverente e criativo. As lideranças empresariais estão sendo conquistadas, cada vez mais, por pessoas mais jovens, porque é na juventude que a criatividade é mais exposta e a inteligência é mais valorizada.

Nunca é demais lembrar, para os que ainda insistem em defender a experiência como uma coisa muito importante, que os grandes gênios, como Eistein, Isac Newton, Galileu Galilei e tantos outros fizeram suas grandes descobertas quando ainda eram extremamente jovens (vinte e poucos anos) e, portanto, não tinham quase nenhuma experiência.

Tinham, no entanto, juventude, ausência do medo de errar e irreverência frente às “verdades” estabelecidas.



ÊNIO PADILHA
www.eniopadilha.com.br | professor@eniopadilha.com.br




DIVULGAÇÃO




---Artigo1996 ---Gestão de Carreira

Comentários?

ADMINISTRAÇÃO DA PRODUÇÃO

PROCESSO PRODUTIVO E O MARKETING



(Publicado em 08/11/2006)



Se eu contar para você que uma determinada marca de geladeira é fabricada em uma linha de produção vertical, de baixo para cima e em zigue-zague (em vez da tradicional linha de produção horizontal e em linha reta) que diferença isso fará na sua decisão de compra ? (supondo que você esteja interessado em adquirir uma geladeira).

Nenhuma! Pelo menos se você for um cliente comum.

A maneira de produzir, via de regra, não altera a percepção do cliente sobre o produto e, conseqüentemente, não interfere na decisão de compra. Mas, preste atenção, isso só vale se o produto for MERCADORIA. Se o seu produto for um SERVIÇO prepare-se para administrar mais um elemento importante na relação com o cliente: o processo.

Imagine a cena: você chega a uma oficina mecânica para um conserto rápido no seu carro. O funcionário que o atende pega o veículo e sai pelo pátio em alta velocidade, tirando "fininho" dos outros carros estacionados, manobrando em zigue-zague, passando rente aos muros e postes de concreto... até estacionar no lugar determinado para o tal conserto. Você, naturalmente, já o elegeu como seu mais novo inimigo. Trata-se de um louco. Um irresponsável. Um débil mental que não voltará a por as mãos no seu carro!!! Quando o conserto ficar pronto você mesmo irá tirar o carro de lá. Não vai dar oportunidade para esse louco bater e estragar o seu carro...

Calma ! Não se precipite ! Seu carro está em ótimas mãos. Aliás, não poderia estar em melhores mãos. O tal manobrista é o melhor da oficina.

Re-leia o parágrafo no qual o procedimento dele foi descrito: observe que ele saiu pelo pátio em alta velocidade, mas não cantou pneu nem forçou o motor. Ele tirou "fininho" dos carros, muros e postes de concreto, mas não bateu em nada. Seu carro está inteiríssimo ! Ele manobrou em zigue-zague porque é a forma de chegar mais rápido ao ponto de estacionamento...

Resumindo: ele é ótimo! Os colegas dele sentem uma pontinha de inveja pelo seu desempenho tão brilhante. Pelo domínio da técnica, pela precisão, pela rapidez... Mas, para você (o dono do carro, o cliente) ele é apenas um retardado, irresponsável. E você vai pensar duas ou três vezes antes de trazer seu carro novamente para essa oficina.

Nosso intrépido manobrista domina a técnica. Faz bem feito, do ponto de vista operacional, mas é um desastre de marketing. Não se deu conta de que ele é um PRESTADOR DE SERVIÇOS. E prestadores de serviços precisam prestar atenção não apenas no resultado final mas também, e principalmente, na maneira como as coisas são feitas. O processo.

É um elemento importante do Mix de Marketing.

Mix de marketing, você sabe, é o conjunto de todas as coisas que interferem, direta ou indiretamente, na visão que o cliente tem sobre a empresa ou o produto.

Quando o produto é uma mercadoria, o processo não conta (ou conta muito pouco). Veja o caso da geladeira, citado no início deste artigo.

Quando o produto é serviço, o processo é um elemento fundamental. Faz parte do Mix de Marketing.

Veja este outro exemplo: meu irmão, Edson, que é mecânico, trabalhou por muitos anos com máquinas agrícolas. Tinha uma oficina (no Paraná) que atendia os proprietários rurais, geralmente em domicílio.
Ele conta que os consertos, por conta de serem feitos na propriedade do cliente, contavam sempre com a presença deste. Isto poderia ser bom ou ruim. Depende de como o fato fosse explorado. Meu irmão estendia um pano no chão e desmontava o motor, peça-por-peça colocando-as, lado-a-lado, ordenadamente, sobre o pano. Depois fazia a limpeza e o conserto das peças e da máquina, com rapidez e precisão.

O cliente olhando tudo e achando ótimo. Sentia-se seguro e confiante. Geralmente ficava satisfeito, pagava sem reclamar e voltava a contratar o serviço em outras ocasiões. A parte de estender o pano e colocar sobre ele, organizadamente, peça-por-peça da máquina era, segundo o meu irmão, uma tarefa tecnicamente desnecessária. Bastava desmontar o motor, jogar todas as peças em um balaio e depois juntar tudo e montar a máquina. Qualquer mecânico reconheceria qualquer peça ou parafuso e saberia o que fazer com ele. Não havia necessidade de mantê-los separadinhos sobre um pano especialmente estendido. Aquilo era um artifício usado para manter o cliente tranqüilo. Fazer com que o cliente tivesse a sensação de estar entendendo a operação e mantivesse o espírito desarmado (coisa muito importante no caso de alguma coisa não funcionar direito).

Estender o tal pano e organizar peças e parafusos não tinha uma função técnica. Tinha objetivo psicológico. Era marketing. Marketing de primeira, eu diria.



ÊNIO PADILHA
www.eniopadilha.com.br | professor@eniopadilha.com.br




DIVULGAÇÃO

Comentários?

ALIRUBIT

PARABÉNS, RIO DO SUL. 88 ANOS!!!

(Publicado em 15/04/2019)



Minha cidade natal, Rio do Sul (situada no Alto Vale do Itajaí, no meio de Santa Catarina) comemora hoje (15/04/2019) 88 anos de emancipação política!

Junto-me aos milhares de riosulenses espalhados por Santa Catarina e pelo Brasil (vira e mexe encontro um a milhares e milhares de distância de casa) para registrar aqui o meu orgulho por ter nascido e me criado numa cidade de gente tão criativa, corajosa, empreendedora e arrojada.

Que a festa seja grande e bonita. E que venham outros 800 anos de glórias!


(A foto que ilustra este post é da década de 1940)

Veja aqui o site da cidade: www.riodosul.sc.gov.br

Comentários